sábado, 10 de junho de 2017

Três são mortos em intervalo de 30 minutos em Eunápolis; uma das vítimas foi assassinada na frente da mulher e do filho

Crimes ocorreram no município de Eunápolis, na região sul. Polícia suspeita que homicídios tenham sido cometidos por mesmo grupo.

Três pessoas foram assassinadas a tiros em diferentes locais do município de Eunápolis, no sul da Bahia, durante um intervalo de 30 minutos, na noite de sexta-feira (9), e a polícia suspeita que os homicídios tenham sido cometidos pelo mesmo grupo criminoso e apura uma briga entre facções.

Um dos crimes ocorreu dentro de um bar na Rua Oswaldo Bonfim. No local, um homem de 31 anos foi assassinado a tiros na frente da esposa e do filho bebê. De acordo com informações da delegacia da cidade, o crime ocorreu por volta das 20h45.

Testemunhas disseram que o homicídio foi cometido por homens armados que chegaram em um carro branco. A vítima foi identificada como Francesco Barreto da Silva. Segundo a polícia, ele estava com o filho no colo quando foi atacado. O homem morreu ainda no local do crime. A mulher e a criança não foram atingidas.

Ainda de acordo com a delegacia da cidade, Francesco já tinha passagem por tráfico de drogas, mas a polícia ainda não sabe se o crime tem alguma relação com isso.


Cerca de 15 minutos antes, por volta das 20h30, um jovem de 25 anos também foi morto a tiros quando estava em frente à loja da mãe, localizada na Rua José Belézio Filho, no bairro Juca Rosa. A vítima foi Jonatas Costa Silva, atacado por homens armados que também chegaram ao local em um carro branco, segundo testemunhas.

O jovem ainda chegou a ser socorrido por familiares, mas morreu a caminho de um hospital da cidade. Segundo a polícia, Jonatas era vendedor ambulante e não tinha nenhuma passagem.

O outro homicídio ocorreu por volta das 21h, na Rua Nova Vista, localizada no bairro Rosa Neto. Um jovem de 18 anos também foi assassinado a tiros por homens armados em um carro branco. Segundo a Polícia Civil, a vítima, identificada pelo prenome de Matheus, caminhava pela rua quando os suspeitos passaram atirando.

O jovem morreu ainda no local do crime. De acordo com a delegacia da cidade, ele tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas.  (
Por: G1 BA)

Nenhum comentário:

Postar um comentário