segunda-feira, 19 de junho de 2017

Índios liberam BR-101 e prometem retomar bloqueio na terça pela manhã

Protesto durou quase 10 horas, deixando trânsito completamente parado na BR-101
Sem acordo com o Ministério da Saúde, em Brasília, e a coordenadora Distrital de Saúde Indígena do Ministério, em Salvador, os índios pataxó da aldeia do trevo da Mata, em Itamaraju, prometem bloquear novamente a BR-101, nesta terça-feira (20), a partir das 8h, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal.
Nesta segunda-feira (19), o bloqueio da rodovia, que teve início por volta das 08h da manhã, durou quase 10 horas, deixando o trânsito completamente parado nos dois sentidos da rodovia.

A partir das 11h, os manifestantes começaram a liberar as passagens de carros a cada 20 minutos, mas a manifestação só se encerrou, mesmo, por volta das 18h.

De acordo com a polícia, pela manhã, a manifestação chegou a causar um engarrafamento de 10 quilômetros. À tarde, com a liberação parcial do fluxo de veículo, chegou a dois quilômetros.

REIVINDICAÇÕES –
Segundo informações do cacique Adilson, da aldeia Trevo do Parque, as reivindicações são de aldeias do município de Prado e dizem respeito a atrasos em pagamentos na área de Educação Indígena e de transporte escolar. ‘“Só estamos apoiando a manifestação, mas as reivindicações são deles”, informou o cacique, sem saber dar mais detalhes.

Tentamos contato com o representante das aldeias indígenas de Prado, por telefone, mas não obtivemos retorno.

A reportagem do RADAR 64 entrou em contato com a assessoria da coordenadora Distrital de Saúde Indígena do Ministério da Saúde, Mônica Marapará, em Salvador. Eles afirmaram que não há qualquer atraso em pagamentos, inclusive garantiram que possuem os recibos de todos os repasses feitos este mês.  (
RADAR 64)

Nenhum comentário:

Postar um comentário