sexta-feira, 26 de maio de 2017

Operação Dinheiro Fácil prende três acusados em Prado; esquema quente

 A Polícia Civil do Prado, integrante da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior vinha investigando uma Organização Criminosa que através de documentos falsos abria contas em instituições bancárias e por meio de sistemas eletrônicos, internet, realizava as transferias de contas de terceiros.
Os “playboys”, como chamou a Polícia, viviam promovendo cervejadas, baladas, e viviam em melhores hotéis, ostentando aquilo que não era seu.
Na tarde desta quinta-feira, 25 de maio, a Polícia Civil após uma intensa campana, conseguiu prender em flagrante delito, Vinicius Santos Nogueira e Charles Daivid de Sousa Silva, que durante a abordagem ainda apresentaram documentações pessoais falsas aos investigadores.
De acordo com a Polícia, Vinicius e Charles que usavam os nomes de Francesco Schemberi e José Menezes de Souza, respectivamente, indicaram em seus interrogatórios, a casa do Co autor, comparsa dessa Organização em Teixeira de Freitas.

Uma equipe do S.I. da Coordenadoria foi acionada, e acabou prendendo em flagrante o, Wanderson Nascimento dos Santos, conhecido como "DI MENOR", que havia sacado dias atrás R$ 60.000,00 (sessenta mil reais) de uma conta aberta com documentos falsos em nome de Diego Manharelo Leite Aguiar.

Esse dinheiro desviado de terceiros, quem sabe um cidadão brasileiro ou até estrangeiro, era usado nas farras e mordomias e como eles mesmos declinaram - DINHEIRO FÁCIL.
(ASCOM/PC)

Nenhum comentário:

Postar um comentário