quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Três mortos e dois presos durante operação em Santo Antônio de Jesus

Duas pessoas foram presas na tarde desta quarta-feira (7), no Conjunto Habitacional Zilda Arns, em Santo Antônio de Jesus, por unidades do 14ª Batalhão da Polícia Militar e da 4ª Coordenadoria de Polícia do Interior. Elas são acusadas de participação nos atos de violência e vandalismo ocorridos na noite de ontem, nos bairros de Renato Machado, antigo Alto do Santo Antônio, e no São Benedito, que deixaram duas pessoas feridas.

Outros três acusados, ainda não identificados, reagiram à prisão e acabaram atingidos. O trio foi socorrido Hospital Regional do município, mas não reagiu aos ferimentos. Unidades das Companhias Independentes de Policiamento Especializado / Central e Litoral Norte e do Grupamento Aéreo da Polícia Militar foram enviados ao município, onde permanecem por tempo indeterminado.

De acordo com as investigações, bandidos de uma facção liderada pelo traficante Alex Nogueira, mais conhecido como ‘Alex Bolinha’, invadiu os bairros à procura de criminosos ligados a um traficante rival, de pre-nome ‘Fari’, para a tomada do comércio de entorpecentes. Além de atingir duas pessoas, que não correm risco de morte, a quadrilha de Alex também ateou fogo em veículos, amedrontando a população local. O comandante de Policiamento Especializado da PM, coronel Raimundo Lázaro, informou que a rotina no município já foi restabelecida.

O secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, garantiu que as ações de repressão ao tráfico de drogas, que já resultaram no aumento de 72% das prisões em flagrante no município, (170 casos em 2015, contra 292 em 2016) e no crescimento de 128% na apreensão de armas, 68 itens a mais do que no ano passado, vão continuar, fechando o cerco das quadrilhas que atuam no Recôncavo Baiano. (Informe Bahiano)


Nenhum comentário:

Postar um comentário