sábado, 10 de dezembro de 2016

Acusado de roubos é preso armado e indica endereço onde funcionava “boca de fumo” em Teixeira de Freitas

Na sexta-feira, dia 9 de dezembro, policiais Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO), da 87ª Companhia Independente de Teixeira de Freitas (CIPM), prenderam um indivíduo acusado de ser o autor de pelo menos quatro roubos a pedestres nas últimas semanas. A abordagem aconteceu na Rua Honduras, Bairro Estância Biquíni, na região oeste da cidade e durante revista pessoal, foi encontrado com o mesmo um revólver Rossi, calibre 22, municiado e com número de série A784886.

Eduardo Cruz de Souza, de 19 anos de idade, que reside no próprio Estância Biquíni, recebeu voz de prisão e ainda durante a revista pessoal, foi encontrado em poder do elemento um celular Sansung, aparelho que a polícia acredita ser oriundo de um dos roubos. Questionado sobre a possível existência de objetos de outros roubos, Eduardo disse que não tinha, pois, sempre que roubava levava os objetos até uma “boca de fumo”, que funcionava na Rua Honduras e realizava a venda ou troca por entorpecentes.

Os militares foram até o local indicado pelo acusado e assim que aproximaram-se do imóvel, um suspeito notou a chegada da viatura e evadiu-se, não sendo mais alcançado. Os militares realizaram buscas no imóvel e encontraram dentro do forno do fogão, 22 buchas de maconha. Eduardo, após ser preso, acabou conduzido à sede da 8ª Coorpin, onde o caso foi registrado e apresentado à delegada Maria Luíza Ribeiro, de plantão na unidade.

A delegada ouviu os militares e, após ouvir Eduardo, o flagranteou por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e encaminhou o mesmo ao Serviço de Investigação (SI), que está apurando a possível participação do mesmo em diversos roubos ocorridos nos bairros Estância Biquíni, Ouro Verde e Setor Bahia Sul. As 22 buchas de maconha foram encaminhadas à Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE).

Quem por ventura tenha sido vítima do acusado pode comparecer à sede da 8ª Coorpin, para o processo de reconhecimento. (Por Ronildo Brito)

Nenhum comentário:

Postar um comentário