domingo, 20 de novembro de 2016

POLÊMICA: Fátima Bernardes pergunta: Salvar o policial ou traficante? Confira a resposta do público!

Veja o vídeo abaixo:
video

Realmente a cada dia o que assistimos em nossas televisões acabam nos levando à conclusão de que os valores humanos perderam todos os sentidos. No programa “Encontro”, da Fátima Bernardes, Rede Globo desta quinta-feira 17/11/16, uma matéria deu vazão ao lançamento do filme “SOB PRESSÃO”, que mostra os dilemas de um médico de emergência de hospital público.
Num determinado momento do filme, um outro médico apresenta ao plantonista duas situações: Um policial com uma bala na cabeça, mas estável e um traficante num estado pior do que o policial. Mesmo com a opção do outro médico de que tratem o policial, o médico plantonista (interpretado pelo ator Júlio Andrade) desconversa e diz que vai cuidar de quem está morrendo.

Então, com base na resposta do médico plantonista, a Globo resolveu polemizar e criar uma situação completamente tendenciosa para manipular a opinião pública. Chamou mais duas pessoas do auditório que se juntaram aos convidados e lhes foi perguntado a quem eles salvariam. Evidente que a ética e o juramento médico não faz acepção de pessoas, classe social, clero e etc, mas das 8 (oito) pessoas no palco apenas 1 (uma) escolheu salvar a vida do policial. Mas o que pode ter ficado explicitado na cabeça de muitos telespectadores é que a vida de um traficante tem muito mais valor que a vida de um policial.

As escolhas podem até ser compreensíveis num país que não valoriza a moralidade e os bons costumes e onde a maioria da população vive às custas de uma mídia tendenciosa, manipuladora da opinião pública e milionárias por conta de vultuosas verbas publicitárias.

Importante que a população se conscientize e trate de recuperar valores perdidos. Lembrar que o número que atende às necessidades da sociedade é o 190 e não AS LETRAS das quais estamos vendo todos os dias se estabeleceram no país como CV (Comando Vermelho) e PCC (Primeiro Comando da Capital). Mas mesmo assim, se insistirem no erro, basta acioná-los, com c
erteza irão atendê-los com toda presteza, levando uns tijolos de maconha, uns papelotes de cocaína e seringas de heroína. Serão os heróis de vossos filhos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário