segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Roberto usava nome de Rádio e documento falso é preso pelo PETO

Teixeira de Freitas: No fim da tarde desta segunda-feira, 15 de agosto, policiais militares do PETO prenderam um acusado de estelionato, que vinha aplicando golpes no comércio de Teixeira de Freitas. O mesmo usava uma carta falsa da Rádio Sucesso FM, e nela dizia que estava arrecadando dinheiro para poder transferir o corpo do filho de Belo Horizonte/MG para a Bahia. A carta ainda estava com uma assinatura falsa do Jornalista e Âncora do Grande Jornal, Edvaldo Alves.

O estelionatário foi identificado como sendo, Roberto Carlos da Silva Vieira, 41 anos de idade, natural de Vale Verde/BA, que se diz morador de rua. Roberto chegava sempre nos estabelecimentos, dizendo que havia feito uma parceria com a Rádio e que trocaria comerciais pela quantia doada, algo que é totalmente contra a política da Rádio Sucesso FM, e que jamais permitiria algo do tipo.
Além de aplicar o golpe da falsa doação, Roberto é acusado de ter roubado um aparelho celular em uma clínica, onde ele aplicou o golpe. Na ocasião, foi doado a quantia de R$ 20,00 (vinte reais) a ele, e mesmo assim, ele teria se apossado de 01 celular Motorola Moto G. O referido celular não foi encontrado, mas, a carta que o mesmo usava nos golpes foi apreendida. O acusado foi encaminhado à sede da Delegacia de Polícia Civil, onde o caso foi registrado e apresentado à delegada plantonista, Rina Andrade.

Em entrevista à nossa reportagem, Roberto disse que já tentou buscar ajuda e que trabalhou para o ex-deputado e dono de várias emissoras de rádio na região, e que ele foi maltratado pelo mesmo. Roberto ainda disse que trabalhou 11 anos na comunicação. Ele afirmou que a carta foi feita por um amigo. Sobre o celular, o mesmo negou ter furtado o aparelho, mas, as câmeras de segurança da clínica flagraram toda a ação. A delegada ouviu os militares e, logo após, ouviu o Roberto, que foi indiciado por crime de estelionato e uso de documento falso. O acusado segue preso na carceragem da 8ª COORPIN e será investigado acerca de outros crimes na cidade. (Por: Rafael Vedra)

Nenhum comentário:

Postar um comentário