quarta-feira, 10 de agosto de 2016

André, dono de funerária é preso acusado de estuprar meninas de 7 e 16 anos

A polícia prendeu no Aeroporto Internacional de Salvador o empresário André Luís Porto da Silva, 41 anos. Ele estava foragido desde fevereiro por violentar uma criança de 7 anos e uma adolescente de 16, em Vitória da Conquista, no Centro-sul da Bahia. 
André Luís foi detido quando desembarcou no terminal. O empresário, que é dono de funerárias, teve a prisão decretada pela Justiça a pedido da titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam/Conquista), a delegada Decimária Gonçalves. 

Na semana passada, a polícia descobriu que ele viajaria de Natal, no Rio Grande do Norte, para Brasília e, por fim, desembarcaria em Salvador.

A operação que resultou na prisão do empresário contou com o apoio de equipes da Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (Cati) do Departamento de Polícia do Interior (Depin) e da Polícia Federal (PF). 

André Luís já foi transferido para o sistema prisional. Ele também deverá responder por falsificação de documento, já que portava um RG com a sua fotografia e dados adulterados. (Correio 24h)


Nenhum comentário:

Postar um comentário