quinta-feira, 31 de março de 2016

Deputados de oposição pedem nomeação “urgente” dos aprovados no concurso público da Polícia Civil baiana

Durante votação no Plenário da Assembleia Legislativa da Bahia, na noite desta última terça-feira (29), deputados estaduais da oposição ao Governo do Estado declararam que não irão mais participar de nenhuma votação dos projetos na ALBA enquanto a nomeação dos 800 aprovados no Concurso Público da Polícia Civil que concorreram às vagas de delegados, investigadores e escrivães, em 2013, não for efetivada pelo Governador Rui Costa (PT-BA).

Durante votação na ALBA, os deputado Adolfo Viana (PSDB-BA) e Sandro Regis (DEM ) afirmaram categoricamente que ” a oposição não vota mais nada na Assembleia até a nomeação dos 800 aprovados da Polícia Civil cantar no Diário Oficial”, garantiram.

Os concursados participaram, também, da reunião ordinária organizada pela Comissão de Direitos Humanos e Segurança Pública da ALBA onde foi deliberado que a Assembleia Legislativa elabore uma moção de apoio à nomeação dos aprovados e seja realizado uma audiência pública com a presença do governador Rui Costa. A sessão contou com as participações dos deputados Marcelino Galo (PT-BA), Luíza Maia (PT-BA) e soldado Prisco (PSDB-BA). (Da redação TN)


Nenhum comentário:

Postar um comentário