terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Os funcionários da rádio caraipe estão em greve

Por falta de pagamentos os funcionários da Rádio mãe da Rede Sul Bahia estão de greve há 10 dias. Os funcionários reclamam por falta de pagamento porque estão sem receber há dois meses inclusive o 13º salário e as férias que também estão atrasadas.
Durante estes dez dias de greve a emissora está sem programação, só toca musicas e comerciais previamente gravados. O mais estranho é que as demais emissoras da rede que continuam funcionando não noticiam o fato, a exemplo da rádio Cidade que continua com a programação normal. Aonde fica o compromisso com a noticia?
DSCN1251
A maior reclamação dos funcionários da Rádio é que a Emissora tem um faturamento grande, cerca de 200 mil reais por mês, tendo contrato firmado com o Governo do Estado e diversas prefeituras da região, inclusive a de Teixeira com um contrato mensal grande que foi acordado durante a campanha eleitoral, isso sem falar do faturamento dos contratos com a classe empresarial.
Segundo informações, o proprietário da Rede Sul Bahia de Comunicações, o ex-deputado Uldurico Pinto, que hoje está afastado da política, mas que graças ao poder da comunicação das suas emissoras, continua exercendo forte influencia na política regional, usando as rádios para pressionar os prefeitos a celebrar contratos milionários com a emissora sob pena de ter seu mandato denegrido jogando a opinião pública contra o gestor
.moldura-fotos-gartis-dinheiro
O fato é que nenhum prefeito, ou mesmo órgão de imprensa, quer se indispor com o ex-deputado denunciando as chantagens a que são submetidos se não anunciar nas suas rádios. O que tem provocado isso é o monopólio que é mantido na comunicação de Teixeira de Freitas e da região pelo ex-deputado que hoje continua sendo presidente de uma instituição que defende os direitos humanos, mas na realidade ele não respeita sequer os direitos daqueles que lhe prestam serviço e promovem o rendimento que permite que ele e sua família venham viver uma vida suntuosa viajando pelo Brasil e pelo mundo, enquanto isso a família dos seus funcionários passam necessidade.
O Portal N3 sensibilizado com a situação dos funcionários, inclusive o diretor do PortalN3, que também já participou do seu quadro de funcionários, conhece o funcionamento e a maneira de agir do seu proprietário, por isso decidiu denunciar o fato assumindo o ônus que certamente irá advir, mas resolveu tomar a defesa dos funcionários denunciando os descasos. Estamos dispostos a continuar na luta até que a situação seja regularizada.
PORTALN3

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário